Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blog da Liliana

Olá, o meu nome é Liliana Silva, tenho 21 anos e sou estudante de Design no IADE-U. O blog apresenta neste aspeto temas e assuntos relacionados com o entretenimento, romantismo e muito mais.

Blog da Liliana

Olá, o meu nome é Liliana Silva, tenho 21 anos e sou estudante de Design no IADE-U. O blog apresenta neste aspeto temas e assuntos relacionados com o entretenimento, romantismo e muito mais.

Sab | 28.01.17

Apaixonei-me pela forma como me tratas

Há mil e uma formas de demonstrar que gostamos de alguém. Um “bom dia!”, “Como estás hoje”, “dormis-te bem”, “Já chegas-te?”, são simples atos que carinho como estas simples preocupações diária que mostram o quanto é pessoa é especial e o quão importante é na sua vida.

Apaixonarmo-nos por alguém é fácil, porque primeiramente ele faz com que atraias pela pessoa, pela sua aparência, pela sua atitude e pelo seu sorriso. Tudo o que é belo é atrativo, mas no entanto a beleza em si não é o mais importante, caso este não esteja acompanhado com inteligência, nem tudo o que é visível é o suficiente, na maioria das vezes o que mais importa é aquilo que não se vê, mas sim que se sente e que se demonstra aos poucos.

 

O tempo deixa em nós apenas aquilo que nos toca, aquilo que conseguimos sentir na alma e no coração, de forma tão especial que é essa sensação que fica e que te marca. Tanto é que muitas vezes começas a perceber que há pessoas com as quais nunca tinhas falado, ou simplesmente nunca tinhas reparado nelas, que hoje por um acaso conversaram e aquela que achavas que não tinha interesse algum por nunca te ter chamado a atenção é agora alguém cuja a sua inteligência te fascina.

 

Isto porque o amor é algo que entra dentro de nós e se espalhar pelo nosso corpo sem estarmos a espera, pois o amor é algo que atravessa tudo o que existe no exterior, este ama-se pelo interior, é no interior que é possível conhecer alguém, é no interior que tu percebes com quem estás a lidar, o que tu vês no seu exterior nem sempre corresponde ao que vês no interior, quero com isto dizer que o facto de alguém ter uma beleza extrema não significa que tenha alguma inteligência dentro em si e quem diz inteligência diz maturidade e vontade de te fazer feliz. O nosso intimo é assim mesmo, é seduzido pelas atitudes, pelo que sentimos e por aquilo que nos faz sentir, muito para além daquilo que os nossos olhos veem. 

 

 

No entanto não mereces estar junto de alguém que não faz a menor questão de estar junto a ti, quem não demonstra o que sente, não tem o mínimo de consideração por tudo aquilo que já fizeste então, fecha o capitulo e vira a página, pois esse é alguém que não te merece nem ide perto nem de longe. Todos nós somos movidos pelos que ainda não temos, por tentar obter aquilo que nunca tivemos ou apenas por sentir aquilo que nunca antes sentimos. Tudo o que é novo na nossa vida atrai-nos, desperta-nos interesse, fascina-nos. No entanto sempre que algo novo está por vir, há sempre a tendência a manter alguma segurança e a tomar algumas providencias, pois o que já passamos anteriormente, hoje não nos permite seguir em frente sem termos medo, sem insegurança.

 

O mais importante no meio disto tudo é sabermos com segurança aquilo que queremos de verdade, sem termos medo de arriscar, sem termos medo de tentar.

 

Alguns sentimentos, emoções e determinadas  pessoas devem ter um lugar premente nas nossas vidas, mesmo mudando de lugar, mesmo distantes, estas pessoas merecem sempre um lugar especial nos nossos corações. Não devemos deixar ir embora quem sempre esteve ao nosso lado, quem espera esteve ao nosso lado sob chuva e trovoadas, quando mais ninguém esta va lá quando mais precisamos, pois era ele que sempre arranjava um jeito de nos por um sorriso da cara e levantarmo-nos o ânimo.

 

Fiquemos ao lado de alguém  que dorme e acorda a pensar em nós, com quem sente a nossa presença mesmo quando estamos longe, é nesse lugar que devemos estacionar o nosso lugar.